Artigo

Pizarro considera reivindicações dos Técnicos de Diagnóstico “razoáveis” e garante “apoio político”

135 Visualizações

Pizarro considera reivindicações dos Técnicos de Diagnóstico “razoáveis” e garante “apoio político”

 

Manuel Pizarro, presidente da Federação Distrital do Porto do PS, recebeu esta terça-feira, 23 de outubro, uma delegação do Sindicato Nacional dos Técnicos Superiores de Saúde das áreas de Diagnóstico e Terapêutica (STSS), estrutura que esteve representada ao mais alto nível, através do presidente, Luís Dupont; do vice-presidente, Fernando Zorro; e da dirigente Ângela Paz Dias.

O diálogo estabelecido permitiu a Manuel Pizarro aprofundar com detalhe as aspirações dos técnicos superiores de diagnóstico e terapêutica e as causas do impasse negocial com o Governo.

Em causa estão as propostas apresentadas pelo STSS ao Governo relativas à tabela salarial, revisão da carreira, contratação de mais técnicos, e o “correto descongelamento das progressões” dos técnicos de diagnóstico e terapêutica.

Manuel Pizarro reconheceu a importância da classe profissional, “indispensável ao bom funcionamento do Serviço Nacional de Saúde (SNS)”, e a necessidade de se chegar a acordo.

“Considero que o que está em causa são reivindicações razoáveis, sobretudo tendo em conta a estagnação da carreira há mais de uma década”, sustenta o dirigente socialista.

No rescaldo deste encontro, a Federação Distrital do Porto do PS comprometeu-se a dar todo o apoio político para que STSS e Governo possam chegar a acordo.