Artigo

Participação e Mobilização: Plenário de Apresentação do Programa do Governo em Santo Tirso

Participação e Mobilização: Plenário de Apresentação do Programa do Governo em Santo Tirso

O Plenário Distrital de Militantes na Fábrica de Santo Thyrso inseriu-se numa série de plenários do Partido Socialista que decorreram em todas as federações distritais. No distrito do Porto, os militantes e simpatizantes do PS compareceram-se em grande número.

Mais de 300 militantes e simpatizantes do Partido Socialista do distrito do Porto marcaram presença no Plenário de Apresentação do Programa do XXII Governo Constitucional (2019-2023, na Fábrica de Santo Thyrso, numa noite de grande participação e diálogo.

O Ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, o Presidente da Federação Distrital do Porto do Partido Socialista, Manuel Pizarro, e o Presidente da Câmara Municipal de Santo Tirso, Alberto Costa conversaram, ouviram e responderam aos militantes e simpatizantes num plenário aberto e participativo.

Augusto Santos Silva destacou a prioridade do Partido Socialista: “Nunca percamos de vista que a nossa preocupação número um como um Governo socialista é procurar melhorar as condições de vida das pessoas”. O governante ainda garantiu que o PS não olha para a vida política “como um jogo mais ou menos teatral”, mas sim “como condição indispensável para que as condições de vida das populações, das nossas gentes possam melhorar” afirmou o Ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros.

Na Fábrica de Santo Thyrso, Augusto Santos Silva afirmou também que o PS acabou “com um tabu obsoleto na vida política portuguesa, segundo o qual os partidos à esquerda do PS servem apenas para representar o protesto das pessoas, mas não servem para ajudar à governação. Esse muro caiu como costuma dizer António Costa. Seria mais fácil que o muro de Berlim ficasse novamente de pé, do que este muro que durante tanto tempo tolheu a dinâmica política em Portugal, fosse reerguido”.

Manuel Pizarro, Presidente da Federação Distrital do Porto do Partido Socialista frisou a importância de aproximar os cidadãos da política. Nesse aspeto, segundo o dirigente federativo, o PS tem provas dadas já que demonstrou ser capaz de cumprir, nos últimos quatro anos, aquilo que prometeu aos portugueses. Por isso, o Partido Socialista evidencia uma grande abertura: “que outro partido na sociedade portuguesa se atreve a esta proximidade com as pessoas? A estarmos uns perante os outros para prestar contas, para ouvir o que cada um tem para dizer”, afirmou Manuel Pizarro.

Alberto Costa, Presidente da Câmara Municipal de Santo Tirso, destacou também as grandes conquistas do PS, particularmente no que respeita à melhoria das condições de vida das populações locais. De entre as medidas executadas na anterior legislatura, o autarca destacou o Passe Único, que, por um lado, tem permitido a poupança nos orçamentos familiares com a utilização do transporte público, e por outro lado, tem incentivado a sustentabilidade ambiental, numa vontade de mudança de paradigma nas deslocações do dia-a-dia.

Alberto Costa ainda deixou um repto para o futuro ao frisar a importância de prosseguir e concretizar os esforços das políticas de descentralização: “aqueles que estão mais próximos das populações, os presidentes de juntas de freguesia, os presidentes das câmaras municipais, são aqueles que conseguem fazer melhor aplicação dos dinheiros públicos. É muito importante que os passos da descentralização sejam feitos de forma bem pensada e bem acompanhada”, afirmou o autarca de Santo Tirso.

54 Visualizações