Dia Internacional de Luta contra a Homofobia, Transfobia e Bifobia: Matosinhos hasteia bandeira LGBTI

No dia Dia Internacional de Luta contra a Homofobia, Transfobia e Bifobia que se assinala hoje, a Câmara Municipal de Matosinhos hasteou a Bandeira LGBTI no exterior da Casa da Juventude de Matosinhos.

Num ato simbólico, mas que expressa bem a posição do município relativamente às questões da igualdade, cidadania e representatividade, a Presidente da Câmara Municipal de Matosinhos, Luísa Salgueiro hasteou hoje a Bandeira LGBTI no exterior da Casa da Juventude de Matosinhos.

Na cerimónia, que assinalou o Dia Internacional de Luta contra a Homofobia, Transfobia e Bifobia, participaram ainda a vereadora dos pelouros da Saúde, Desenvolvimento e Coesão Social, Ângela Miranda, o vice-presidente da CIG-Comissão para a Cidadania e Igualdade, Manuel Albano e a vice-presidente da Associação Plano i (APi), Paula Allen.

Nos últimos anos, a Câmara Municipal de Matosinhos tem procurado apoiar a criação de repostas para as pessoas LGBTI que, diariamente, vivem situações de discriminação e violência na escola, na família, no trabalho, na saúde ou no espaço público.

Em 2017, numa parceria estabelecida com a APi – Associação Plano i, abriu em Matosinhos o Centro Gis – espaço de atendimento a população lésbica, gay, bissexual e trans (LGBT).

Em 2018, a mesma parceria deu origem à criação da Casa Arco-Íris – Casa de Acolhimento de Emergência para Pessoas LGBTI Vítimas de Violência Doméstica.

Mais recentemente, a APi foi apoiada também no seu projeto denominado de Plano 3C – Casa Com Cor, um projeto piloto de criação do único Apartamento de Autonomização para pessoas LGBTI Vítimas de Violência Doméstica em Portugal, resposta esta em que, para além da habitação temporária é pretendido, através do trabalho com a equipa técnica, garantir as condições de verdadeira inclusão, empoderando e dotando de ferramentas (emprego, saúde, formação, inclusão social).

Fotografias: Câmara Municipal de Matosinhos

337 Visualizações