Artigo

ECONOMIA PORTUGUESA SUPERA EXPECTATIVAS E CRESCE ACIMA DA MÉDIA EUROPEIA

1450 Visualizações

Economia portuguesa supera expectativas e cresce acima da média europeia

A economia portuguesa fechou o quatro trimestre de 2016 com um crescimento de 1,9%, o maior desde 2013, revelam os dados publicados esta semana pelo Instituto Nacional de Estatística (INE). Na totalidade do ano, o Produto Interno Bruto (PIB) aumentou 1,4%, um resultado que supera não apenas as previsões do Governo (1,2%) e da Comissão Europeia (1,3%), como coloca Portugal a crescer acima da média da Zona Euro.

Para este crescimento, o INE aponta o “aumento do contributo da procura interna, observando-se uma recuperação do investimento e um crescimento mais intenso do consumo privado”.

Segundo dados do Eurostat, igualmente divulgados esta semana, o forte crescimento da economia portuguesa no último trimestre de 2016 supera também a média registada nos países da Zona Euro no mesmo período, que se fixou em 1,7%.

Em comunicado enviado às redações, o Ministério das Finanças sublinha que os dados do crescimento divulgados pelo INE “confirmam a aceleração da economia portuguesa” e sustentam “a solidez e o rigor das estimativas” do Governo para 2017.

Também João Galamba, porta-voz do Partido Socialista, afirma que, com este “crescimento robusto e sustentável”, em 2017 Portugal poderá “superar a meta inscrita no Orçamento de Estado” e atingir “crescimentos homólogos acima de 2%”, o que, a verificar-se, seria “o melhor resultado desde 2007”.

Recorde-se que já esta segunda-feira a Comissão Europeia revia em alta a estimativa de crescimento do PIB português, prevendo que tivesse subido 1,3%, um valor acima da previsão de 1,2% estimada pelo Governo em outubro, por ocasião da entrega do Orçamento do Estado para 2017.