Artigo

Vai nascer um novo troço ferroviário entre Valadares e Gaia

570 Visualizações

Vai nascer um novo troço ferroviário entre Valadares e Gaia

 

O novo troço ferroviário Valadares-Gaia, empreitada integrada na modernização da Linha do Norte e orçada em 5 milhões de euros, arranca já em agosto e termina em abril de 2018, anunciou recentemente a empresa Infraestruturas de Portugal (IP).

“Vai ser concretizada uma renovação integral da via [ferroviária] entre Valadares e Gaia, numa extensão de 4,3 quilómetros, tendo em vista o objetivo de modernização do troço Ovar-Gaia da Linha do Norte, onde circulam em média 190 comboios por dia”, avançou a IP.

O anúncio foi feito numa cerimónia para o lançamento do concurso público, que decorreu a 12 de abril na Estação de General Torres, em Vila Nova de Gaia, e que contou com a presença do Ministro do Planeamento e das Infraestruturas, Pedro Marques.

A obra deverá arrancar em agosto deste ano e terá a duração de 240 dias, com um investimento base de 4,7 milhões de euros, “mais 800 mil de custo de materiais fornecidos pela IP”. De acordo com Carlos Fernandes, vice-presidente da IP, o processo deverá estar concluído em abril de 2018.

“A linha do Norte é o principal eixo nacional e é utilizada todos os dias por mais de 600 comboios. Já foram investidos 1.400 milhões de euros até ao momento na Linha do Norte. A modernização já leva cerca de 20 anos e faltam agora quatro intervenções para terminar”, referiu Carlos Fernandes.

Para Pedro Marques, Ministro do Planeamento e das Infraestruturas, a linha “precisa de modernização”, já que o troço Ovar-Gaia é “um dos mais congestionados” e “mais densamente utilizados” da Linha do Norte.

O Ministro vê esta intervenção como uma forma de criar “condições para uma melhor circulação ferroviária dos passageiros, em articulação com toda a renovação dos Alfas” e como solução para suprimir alguns problemas ao melhorar a “sinalização da via”, as “passagens de nível” e “reforçar a segurança dos cidadãos”.

Em paralelo ao lançamento da obra do troço Valadares-Gaia, foi também lançado um “concurso público para a melhoria das acessibilidades pedonais à Estação de General Torres”, em Vila Nova de Gaia. O objetivo é garantir “acessos pedonais mais cómodos e seguros para todos os utentes, respondendo às necessidades específicas das pessoas com mobilidade condicionada e melhorar o interface das Estações de General Torres da Linha do Norte e da Linha Amarela do Metro do Porto”.