Artigo

Cristina Vieira afirma que no Marco de Canaveses é tempo de avançar

80 Visualizações

Cristina Vieira afirma que no Marco de Canaveses é tempo de avançar

 

Foi no passado domingo, dia 16 de julho, que Cristina Vieira apresentou a sua candidatura ao Marco de Canaveses, iniciativa que contou, entre outras personalidades, com a presença de António Costa, Secretário-geral do PS e Primeiro-ministro, de José Luís Carneiro, secretário de Estado das Comunidades, de Manuel Pizarro, Presidente da Federação Distrital do PS Porto.

Com o Parque Fluvial do Tâmega como cenário, a candidata socialista destacou como prioridades do seu programa a urgência aposta no turismo, com o máximo aproveitamento dos recursos naturais, e a “dinamização das zonas ribeirinhas e a aposta nos desportos náuticos”.

“Temos dois rios internacionais e temos de aproveitar a proximidade à cidade do Porto, ao Aeroporto Sá Carneiro e ao Porto de Leixões.

Perante uma enorme plateia de apoiantes, Cristina Vieira apresentou parte da equipa que a vai acompanhar, os candidatos a Presidentes de Junta de Freguesia e o candidato à liderança da Assembleia Municipal.

Definindo-se como uma autarca de proximidade, Cristina Vieira defendeu um “projeto de desenvolvimento a médio/longo prazo que o concelho precisa, com medidas de apoio ao desenvolvimento económico da cidade, ouvindo os empresários do concelho, apoiando-os e criando condições para quem quer investir”.

As redes de água e saneamento também não foram esquecidas e a socialista prometeu “resolver o problema dos marcuenses”.

Cristina Vieira, que ouviu de António Costa e de Manuel Pizarro palavras de forte apoio, aproveitou para recordar que aquela é uma candidatura de emoção e responsabilidade.

“Emoção porque esta é a minha terra, sou uma marcuense como vós e quero dar o meu contributo a esta terra”, sublinhou a candidata socialista à Câmara Municipal do Marco de Canaveses.

António Costa aplaudiu o que considerou ser o fim de um ciclo político num concelho onde o atual Presidente, o social-democrata Manuel Moreira, por imperativo legal, não se pode recandidatar, uma vez que está a cumprir o terceiro e último mandato.

“Há um tempo para tudo na vida. E, ao fim destes 12 anos, não é só a lei que impõe um tempo de mudança no Marco de Canaveses, é porque este tempo se esgotou e agora é tempo de avançar, de fazer diferente, é tempo de fazer melhor”, afirmou António Costa, que acrescentou que Cristina Vieira é “uma candidata experiente, que já deu provas de ser uma excelente autarca”.